A MADI: Missão Apostólica do Deus de Israel.

Do Município de Uruará, Estado do Pará, começou a desenvolver o trabalho em células desde 2008. Desde então, notamos o crescimento expressivo, muito além do que poderíamos ter obtido com os métodos tradicionais de evangelização. Isso nos leva a acreditar que o trabalho em células é eficiente e aprovado por Deus.

Nossa Missão:

Ser instrumento de Deus para fazer discípulos de Jesus Cristo, comprometidos com sua igreja, para em amor, sensível às necessidades humanas, impactar o mundo com o Evangelho e valores do Reino de Deus, glorificando o seu nome.

Nossa Visão:

Nossa Visão é que cada cristão deve estar sendo e fazendo discípulos, participar de uma Célula, abraçar a visão da Igreja Local, buscar a Unidade da Igreja Mundial e colocar em primeiro lugar o reino de Deus.

O que é uma célula?

A Bíblia compara a igreja de Cristo ao corpo humano, mostrando que diversos membros compõem um mesmo corpo. A célula é a base de todo organismo, e a somatória delas é que compõe o corpo.

Assim também é como a igreja: a célula é o que chamamos de comunidade cristã de base, um grupo de pessoas que se reúnem semanalmente para comunhão, adoração, edificação e evangelização. Mas, como o que compõe o corpo é a somatória de todas as células semanalmente para uma celebração conjunta no templo.

As escrituras ordenam desenvolver relacionamentos de edificação mútua. Congregar não se resume apenas a louvor e pregação, mas também oração e ministração uns aos outros (Hebreus 10.24,25). Cada membro do corpo de Cristo é um sacerdote e deve servir a seus irmãos no Senhor, e a célula é o lugar onde melhor este princípio pode ser praticado.

Definição:

Uma Célula é um grupo constituído de seis (06) a dezesseis (16) pessoas, reunindo-se semanalmente para aprender como tornar-se uma família, adorar o Senhor, edificar a vida espiritual uns dos outros, orar uns pelos outros e levar pessoas ao Evangelho.

Cada célula deve ter no mínimo seis pessoas e não é ideal que ela ultrapasse o limite de dezesseis. Os grupos de Moisés eram constituídos de 10 (Êxodo 18.21) e Jesus liderou doze. Dez ou doze pessoas são o número ideal de membros de uma célula. Quando atingir o limite de quinze ou dezesseis pessoas, a célula deve se multiplicar.

A célula é muito maior que sua reunião. Se a célula só existe no dia da reunião, então não é uma célula, mas apenas um culto caseiro. A célula acontece a semana toda: no supermercado, no shopping, na caminhada, no lazer, nas casas, na escola. Sempre que os irmãos se encontram, a célula acontece. A primeira característica da célula é ser comunidade e não o fato de existir como uma reunião.