Pescadores acham corpo estrangulado em rio no RS; vítima era enfermeira desaparecida
07/07/2023 20:57 em Notícia Local

 

Pescadores encontraram um corpo de uma mulher às margens do rio Ibirapuitã, na manhã da última quinta-feira, 6, em Alegrete, no Rio Grande do Sul. Nesta sexta-feira, 7, a Polícia Civil divulgou que se tratava da enfermeira Priscila Leonardi, de 40 anos, que estava desaparecida há 18 dias.

O laudo da perícia mostrou que a enfermeira foi morta estrangulada, com o uso de uma fita ao redor do pescoço. Além disso, ela apresentava outras lesões pelo corpo.

A delegada responsável pelo caso, Fernanda Mendonça, explicou que Priscila sumiu depois de entrar em um carro preto, que ela mesma havia solicitado, para ir para a casa de uma prima. A mulher, porém, nunca chegou no local.

Fernanda afirmou que o veículo não foi pedido através de um aplicativo de transporte, mas não deu detalhes sobre se a polícia suspeita de envolvimento do motorista. As investigações estão sob sigilo.

"Antes, a gente estava buscando encontrar ela, por, num primeiro momento, ter sido noticiado como desaparecimento, Mas com o andamento das investigações e a demora, a gente começou a considerar um crime", disse ao Terra.

Priscila era natural de Alegrete, mas há quatro anos morava em Dublin, na Irlanda. Ela estava na cidade de férias, visitando a família.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!